HOME HEADER USIMINAS ALTO FORNO 3

CadÚnico registra mais de 40 mil beneficiários em Ipatinga

Graças a uma grande força-tarefa, a Secretaria de Assistência Social de Ipatinga, segundo nota, “zerou” a fila do CadÚnico na cidade. O CadÚnico é o instrumento de coleta de dados e informações que objetiva identificar todas as famílias de baixa renda existentes para fins de inclusão em programas de assistência social e redistribuição de renda.

“Solucionamos um problema que é vivenciado há tempos no município, como em diversas outras cidades do país. Contratamos uma empresa terceirizada para auxiliar esses cadastros, e hoje não existe mais nenhuma fila de espera para que as pessoas de baixa renda possam fazer e renovar seus cadastros no CadÚnico aqui em Ipatinga”, declarou o prefeito Gustavo Nunes.

O chefe do executivo fez questão de salientar em sua mensagem aos ipatinguenses que o governo municipal tem cumprido o papel que lhe compete para que o benefício do governo federal chegue até o cidadão que se encontra em situação de vulnerabilidade social.

“Se uma pessoa chegar hoje a algum Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município, seja no Bethânia, Limoeiro, Canaã ou Bom Jardim, será atendida na hora, sem precisar agendar”, garantiu.

Números

Em janeiro de 2021, quando a atual gestão iniciou o mandato, havia 31,2 mil famílias inscritas no CadÚnico. Após um trabalho intenso, incluindo a contratação de entrevistadores sociais, o número saltou para 42,7 mil famílias cadastradas no final de novembro último, ou seja, mais 11,5 mil famílias incorporadas ao cadastro,  um aumento de 36%.

De acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), 29, 1 mil famílias tiveram o cadastro atualizado nos últimos dois anos em Ipatinga, dado que também revela o impacto das ações desencadeadas pelo governo local.

LEIA TAMBÉM

AG – PILOTO – HOME E SIDEBAR – 300×250

LEIA TAMBÉM