HOME HEADER USIMINAS ALTO FORNO 3

Fabriciano intensifica ações de combate à dengue

 Com 379 casos registrados de dengue e 377 para Chikungunya, a Prefeitura de Fabriciano ligou o alerta para o combate à essas doenças, transmitidas pelo mosquito Aedes aegypt.

A preocupação da Secretaria de Saúde do município é que este crescimento do número de casos não era esperado para o período, já que estamos em período de seca. Vale ressaltar que os dados do boletim de situação epidemiológica de arboviroses referem-se aos pacientes notificados que buscaram os serviços de Saúde.

Segundo o secretário Ricardo Cacau, o município redobrou a atenção e intensificou as ações previstas no plano. “Todo mundo sabe como coibir a dengue, que é destruir o foco. E a nossa preocupação agora é exterminar o mosquito adulto e evitar que cada vez mais pessoas sejam infectadas”, resumiu

De acordo com Cacau, se cada morador destinar diariamente 10 minutos para combater as arboviroses é suficiente. Ele explicou que é preciso eliminar os criadouros e não deixar as larvas eclodirem e se transformarem em mosquito. Além disso, é necessário limpar o quintal de objetos que podem armazenar água, verificar as plantas e comedouros de animais. O Aedes aegypti vive 45 dias. Uma única fêmea infectada pode picar até 5 pessoas de uma mesma residência em um único dia.

 

LEIA TAMBÉM

AG – PILOTO – HOME E SIDEBAR – 300×250

LEIA TAMBÉM