HOME HEADER USIMINAS ALTO FORNO 3

Ministério Público de Minas amplia programa de recuperação de bens culturais

Uma iniciativa do Ministério Público de Minas (MPMG) vai ampliar o programa de proteção e recuperação dos bens patrimoniais e culturais de Minas Gerais. Ela será possível através do Sondar (Sistema de Resgate de Bens Culturais Desaparecidos). Desenvolvida em parceria com a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), a plataforma digital, é mais simples, intuitiva e com funcionalidades não apresentadas na versão anterior.

Lançado em 2021, o Sondar reúne objetos mineiros desaparecidos, recuperados e restituídos e pode ser acessado pela internet, por meio de computador, tablet ou celular. Nele, é possível vislumbrar um acervo de cerca de 2,5 mil bens culturais mineiros, como documentos e peças de arte sacra. Entre as novidades da plataforma, está a possibilidade de que a sociedade civil solicite a inserção de um bem específico na base de dados do aplicativo, ainda que ele não tenha proteção como patrimônio cultural declarada por órgão público.

Outra funcionalidade está no comando de devolução voluntária, como parte da campanha Boa-Fé, do MPMG, para estimular a restituição espontânea de obras de arte, peças sacras e documentos históricos, entre outros tesouros desaparecidos do patrimônio cultural. Conforme o MPMG, qualquer denúncia pode ser feita de por meio de um formulário eletrônico. O usuário poderá ainda compartilhar imagens e fichas de bens desaparecidos por WhatsApp, criar links para compartilhar nas redes sociais e imprimir relatórios com resultados de suas buscas.

O secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas Oliveira, acrescentou que o patrimônio histórico só assume sentido se ele for vivido. “Se nós estamos felizes, imagine as comunidades que vivem o patrimônio cultural, essa força potente de coesão social, de pertencimento. O patrimônio histórico só existe por causa do humanismo e do humano que o faz vivo”, refletiu.

LEIA TAMBÉM

AG – PILOTO – HOME E SIDEBAR – 300×250

LEIA TAMBÉM