HOME HEADER USIMINAS ALTO FORNO 3

Cozinha Mineira ganha status de patrimônio cultural imaterial

Agora é oficial. Graças a uma iniciativa do Governo Estadual, os encantos e sabores da cozinha mineira à base de milho e mandioca passam a agora a serem considerados patrimônio cultural imaterial de Minas Gerais. A Iniciativa contempla uma série de ações, que englobam também o turismo e o desenvolvimento social. A partir do registro dos sistemas culinários do milho e da mandioca. A deliberação foi concedida pelo Conep (Conselho Estadual de Patrimônio Cultural) e aconteceu no último dia 5 de julho, data em que se celebrou o Dia da Gastronomia Mineira.

O objetivo é celebrar e promover os ingredientes, saberes e práticas que constituem a cultura alimentar mineira. O Cozinha Mineira Patrimônio contemplará uma série de ações que reforçam a importância da cozinha mineira para a cultura, o turismo e o desenvolvimento econômico e social do estado, enaltecendo a cozinha mineira enquanto patrimônio imaterial.

A deliberação sobre o Registro dos Sistemas Culinários da Cozinha Mineira – O Milho e a Mandioca é de grande relevância para o reconhecimento e a valorização de saberes e práticas desenvolvidos pelos povos originários e tradicionais, como as comunidades indígenas e negras. A contribuição desses povos foi essencial para que a mandioca e o milho constituíssem alguns dos pilares que sustentam a cozinha mineira.

Os saberes ligados ao milho e à mandioca constituem o primeiro sistema culinário a ser identificado pelo Iepha-MG no âmbito das pesquisas sobre a Cozinha Mineira. Essa decisão é fruto de estudos para a compreensão da cultura alimentar do estado, os quais vêm sendo realizados pelo Iepha e parceiros desde 2019.

Outra etapa desse trabalho foi a identificação de quase 700 moinhos de milho e casas de farinha de mandioca em Minas Gerais. O cadastro foi viabilizado por meio da ação conjunta entre Iepha-MG, prefeituras, instituições de ensino, comunidades e pesquisadores.

O Registro dos Sistemas Culinários da Cozinha Mineira – O Milho e a Mandioca compreende o ato de se alimentar de maneira ampla, ressaltando os valores socioculturais, simbólicos e cosmológicos. Fatores como o plantio, o processamento, a preparação, o consumo são levados em conta junto as características de sociabilidade e ritualística atreladas aos lugares, paisagens, instrumentos, métodos e técnicas que definem os saberes culinários transmitidos ao longo das gerações.

LEIA TAMBÉM

AG – PILOTO – HOME E SIDEBAR – 300×250

LEIA TAMBÉM